Palavras mágicas para viver dias difíceis – O conto do anel mágico

Palavras mágicas para viver dias difíceis - O conto do anel mágico

 

Era uma vez um rei muito poderoso que vivia insatisfeito porque não conseguia dominar as suas emoções. Consciente de que as mudanças de humor prejudicavam a sua capacidade de tomar boas decisões, mandou chamar o maior sábio do reino e pediu-lhe:

– Quero que me digas qual o segredo da serenidade. Sinto muita raiva e desespero quando tenho uma derrota. E fico demasiado eufórico quando tenho uma vitória. Como poderei viver com mais equilíbrio e paz de espírito?

O sábio prometeu pensar numa solução e retirou-se. Semanas depois regressou à presença do rei, deu-lhe um anel e disse:

– Majestade, traga este anel sempre consigo. Ele tem uma inscrição interna com um poder mágico. Essa mensagem não deve ser lida por curiosidade porque, nesse caso, perderá toda a magia. Deve ser lida apenas nos momentos cruciais de sofrimento e desespero. Quando tudo parecer perdido e nada mais depender de si, retire o anel do dedo e leia a mensagem que nele está gravada, sem revelar o segredo a ninguém. Irá sentir um novo ânimo e mais esperança no futuro!

– Muito bem! E o que faço nas situações de euforia descontrolada?

– Proceda da mesma forma. Retire o anel do dedo e, discretamente, leia a mensagem. Irá sentir-se mais calmo!

O rei recompensou o sábio com as moedas de ouro e comprometeu-se a pôr em prática as suas orientações.

Ao longo dos anos, o povo percebeu que o rei olhava para o interior do seu anel, nos melhores e nos piores momentos, e mostrava-se cada vez mais sereno, prudente e justo na governação.

O segredo daquele anel converteu-se no maior mistério do reino. Todas as pessoas queriam saber o que nele estava escrito. Quando o rei morreu encontraram no anel apenas três palavras: «Isto também passará».

E por estes dias, muitas vezes me recordo deste conto e das suas simples e mágicas palavras. Muitas vezes ele traz-me a força que me escapa quando sinto que a previsibilidade dos dias, as certezas, os sonhos e os planos que fazíamos, se esfumam para um nevoeiro que me fazem sentir perdida, ansiosa, impotente e completamente insegura quanto ao que vivemos hoje e ao que há-de vir.

Recordar as três palavras mágicas convidam-me a confiar no incerto, a ter esperança nos dias que desconheço, a sentir serenidade no futuro que se escreve para lá das linhas que delineámos com a presunção que lhe conhecemos o ponto final. Vivemos hoje nas reticências que a vida nos trouxe, mas a nossa história prossegue, porque «Isto também passará».

 

Conto do livro 99 Histórias de Sabedoria – Mensagens para a Vida, de António Estanqueiro, publicado pela Editorial Presença.

Nuno Rosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *